Alcinopolis. Quinta-feira, 21 de Junho de 2018. Bom Dia!

Costa Rica

Falso médico é preso pela polícia Civil na Fundação Hospital de Costa Rica

A polícia Civil de Costa Rica prendeu na tarde dessa quinta-feira

Falso médico é preso pela polícia Civil na Fundação Hospital de Costa Rica

Falso médico é preso pela polícia Civil na Fundação Hospital de Costa Rica

A polícia Civil de Costa Rica prendeu na tarde dessa quinta-feira, 1º de novembro, Bruno Moreno Willian da silva, de 28 anos. Ele estava há pelo menos dois meses atuando como clínico geral na Fundação Hospital de Costa Rica. Porém, o rapaz não tem formação superior que o habilita para tal função.

De acordo com o delegado Cleverson Alves dos Santos uma pessoa ligou anonimamente na delegacia da cidade denunciando que Bruno não era médico. O delegado foi até o hospital e o convidou para prestar esclarecimentos na unidade policial. De imediato o rapaz negou estar exercendo ilegalmente a medicina, inclusive ficou alterado durante a conversa.

Depois Bruno acabou confessando que não era médico. A equipe de investigação descobriu que o rapaz já aplicou o mesmo golpe nos estados da Bahia, Minas Gerais e São Paulo. Na casa que ele alugou e mobiliou na cidade, os policiais encontraram mais de 20 identidades falsas com outros nomes, mas todos iniciando com Bruno. Além disso, foram encontrados falsos diplomas de habilitação de médicos e ainda certificados de especializações sem qualquer validade.

Ao delegado, Bruno disse que ele mesmo fazia os documentos falsos usando registros profissionais (CRM) de verdadeiros médicos. Para provar a prática do crime, além da confissão do rapaz, o delegado disse que já está de posse do prontuário dos pacientes que foram atendidos pelo falso médico na data de hoje.

Para a polícia, Bruno disse que foi contratado pela prefeitura municipal de Costa Rica por um salário mensal de R$ 15 mil. De acordo com o delegado, o rapaz afirma que fez 5 anos de medicina, mas isso já foi desmentido com base em levantamentos da polícia. Ele também afirma que os pais são médicos, mas mesmo a informação sendo correta isso não o credencia como tal.

Bruno será enquadrado pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica e exercício ilegal da profissão. O delegado Cléverson vai pedir a prisão preventiva do falso médico.

 

midiamax

Publicidade

Não deixe de ler


Nas Galerias de Fotos
  • 1ª Exposição Fotográfica das Famílias Pioneiras. 1ª Exposição Fotográfica das Famílias Pioneiras.
  • Cafundó: Trilheiros de Alcinópolis Cafundó: Trilheiros de Alcinópolis
  • Enlace matrimonial Enlace matrimonial "Chicão & Meire"
  • Enlace matrimonial Enlace matrimonial "Mauricio & Leandra"
  • Balada Sertaneja Balada Sertaneja "Sinésio e Henrique"
[+] Galerias de Fotos
Publicidade