Alcinopolis. Segunda-feira, 14 de Outubro de 2019. Boa Tarde!

Meio Ambiente/Clima

Vento forte derruba árvores e ocasiona capotamento

Em Nova Alvorada do Sul foram sete quedas de árvores

Mesmo com chuva tímida em todo o Estado de Mato Grosso do Sul, que caiu na tarde desta sexta-feira (20), em algumas regiões os ventos atingiram 87 km/h, resultando em alguns estragos. Na cidade de Selvíria, cidade que fica a 399 quilômetros de Campo Grande, o vento forte chegou a destelhar casas.

De acordo com o site Nova Alvorada Informa, três pessoas da mesma família, que trafegavam na BR-163, ficaram feridas após capotamento de um veículo Gol. O acidente aconteceu devido ao excesso de água no asfalto, aquaplanagem.

Ainda no município de Nova Alvorada do Sul, várias árvores caíram e uma chegou a destruir uma camionete que estava estacionada na Rua Heitor de Camargo. Três transportadoras e um posto de combustível da cidade também foram atingidos pelo vento forte e tiveram destelhamento.

Ainda segundo os Bombeiros, aproximadamente sete árvores caíram na cidade de Nova Alvorada do Sul. Fios de eletricidade e de internet também ficaram danificados devido aos fortes ventos e com isso, bairros estão sem energia e internet. Equipes da prefeitura também auxiliam na retirada das árvores caídas.

AMAMBAI

Em Amambai, a chuva de 11,8 mm e o vento causaram destelhamentos de casas, quedas de árvores e destruição, com apenas alguns minutos. Conforme o site Gazeta News, na Escola Municipal Júlio Manvailler, a força do vento arrancou parte da fachada da cobertura de acesso à escola e uma árvore caiu sobre dois carros de professores que estavam estacionados na frente da unidade educacional.

Além disso, inúmeras casas tiveram parte da cobertura danificada pela força do vendaval e cabos da rede elétrica acabaram se rompendo, deixando algumas regiões às escuras. 

Barracões locados por uma empresa que realiza a restauração da pavimentação asfáltica da Rodovia MS-289 entre Amambai e Coronel Sapucaia também foram destruídos. A estrutura desabou sobre veículos e caminhões e o alojamento, onde estavam abrigados funcionários na hora do temporal, também foi totalmente atingido.

Dois funcionários da empresa acabaram sofrendo ferimentos de maior gravidade e foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros para o Pronto Socorro do Hospital Regional de Amambai para passar por cuidados médicos. De acordo com o Corpo de Bombeiros, um deles apresentava suspeita de hemorragia interna no abdômen e fratura na perna. O outro sofreu um corte na cabeça, próximo ao supercílio direito.

CAMPO GRANDE 

Já em Campo Grande, os ventos atingiram 50 km/h. A chuva foi mais calma e relatos de pessoas, ouvidas pela reportagem do Correio do Estado, é de que não durou mais de dois minutos, em algumas regiões da Capital. 

Com a velocidade do vento, galhos de árvores chegaram a cair e em um caso, carro de motorista que estava em movimento foi atingido na Rua Alegrete, no bairro Coronel Antonino.

 De acordo com o meteorologistas Natálio Abrão, na região do Guaicurus choveu, aproximadamente, 0,3 mm.

A chuva dessa sexta-feira é no Centro-Sul do Estado e, de acordo com o meteorologista, até este sábado deve chover também no Nordeste de MS e em Três Lagoas. “E já choveu em Selvíria, Inocência e Água Clara. Essa chuva de sexta-feira, foi só isso mesmo, onde não choveu não chove mais”, disse o meteorologista.

CORREIO DO ESTADO

Publicidade

Não deixe de ler


Nas Galerias de Fotos
  • Leilão em Prol do Hospital de Amor - Barretos-SP Leilão em Prol do Hospital de Amor - Barretos-SP
  • Palestras: 3º Seminário da Pecuária de Corte. Palestras: 3º Seminário da Pecuária de Corte.
  • 1ª Exposição Fotográfica das Famílias Pioneiras. 1ª Exposição Fotográfica das Famílias Pioneiras.
  • Cafundó: Trilheiros de Alcinópolis Cafundó: Trilheiros de Alcinópolis
  • Enlace matrimonial Enlace matrimonial "Chicão & Meire"
[+] Galerias de Fotos
Publicidade